Low Code Development: O que é e quais são seus benefícios

O Low Code Development é uma ferramenta de crescente importância no processo de desenvolvimento de software.

Esse modelo demonstra como esse processo pode ser realizado por profissionais que não possuem uma vasta experiência com linguagens de programação famosas no mercado. Além disso, demonstra como um processo de desenvolvimento de software pode ser acelerado e os prós e contras na adoção do modelo de desenvolvimento low-code.

Vamos analisar esse processo mediante o detalhamento da evolução do modelo low-code, quais são os principais fornecedores de soluções e também uma comparação entre o modelo tradicional e o modelo low-code no desenvolvimento de soluções.

O que seria Low-Code?

O termo Low Code Development Plataform (LCDP) ou simplesmente Low Code, é uma “plataforma visual para desenvolvimento de softwares através de interfaces gráficas e modelos de drag-and-drop (arrasta e solta)”.

Este método é conhecido por acelerar o processo de desenvolvimento de software para diversas plataformas, de forma intuitiva e sem a necessidade de uma alta experiência. Engloba também todos os processos de DevOps e melhoria contínua, bem como os processos de segurança para aplicações cloud.

Atualmente, as plataformas de low-code são compostas por: “Ambiente de Desenvolvimento Integrado (IDE), com suporte visual para criar as interfaces do seu software, bem como definir os modelos de dados e fluxos de trabalho. Conectores para Serviços, automatizando a manipulação, armazenamento e recuperação de estruturas de dados. Gerenciamento de Ciclo de Vida de Aplicativos, com ferramentas automatizadas de compilação, debugging, implantação e manutenção de software”.

Isso significa que a plataforma é capaz de suportar e oferecer todos os métodos e processos para o desenvolvimento de uma aplicação funcional e compatível com as boas práticas de mercado.

Um fator determinante para o aumento do low-code é que cada vez mais estão entrando no mercado ferramentas robustas e intuitivas que são capazes de superar grande parte dos desafios encontrados durante o processo de desenvolvimento de software.

Com base nisso, um relatório elaborado pela Forrester e publicado em 2017 mostra cada vez mais adesão e crescimento desse modelo de desenvolvimento: O mercado global de plataformas de desenvolvimento de low-code – com players como Salesforce.com, Appian, Mendix e outros – irá atingir US$ 21,2 bilhões em 2022, avançando a uma taxa composta de crescimento anual de 40%”.

Esse estudo mostra a força do desenvolvimento low-code e a tendência de grande crescimento para os próximos anos.

Existe um alinhamento entre economia de tempo associada ao desenvolvimento de low-code que permite empresas lançarem softwares antes de seus concorrentes, diminuindo o risco na entrega de um requisito de negócio no tempo estipulado, em comparação a codificação tradicional com linguagem de programação, frameworks, middlewares, etc.

Mendix – Uma ferramenta consolidada para desenvolvimento de software?

Mendix é uma das plataformas de desenvolvimento low-code que leva o nome da empresa que foi fundada em 2005 e aparece no mercado como uma das líderes de mercado, disputando essa posição com a OutSystems. Por conta desse sucesso a empresa foi comprada pela Siemens em 2018.

Mendix se baseia em modelos para a programação ocorrer de forma visual para construção de aplicativos, sem a necessidade de uma vasta experiência em codificação em linguagem de programação. Uma impressionante característica é a baixa curva de aprendizagem, pois existem trilhas de aprendizagem oferecidas gratuitamente pela própria empresa, com intuito de facilitar o acesso e apoio para informações e dúvidas, além de programas de certificações válidas internacionalmente. Dessa forma, qualquer pessoa pode desenvolver um aplicativo para ser utilizado nas mais diversas plataformas.

Um profissional vindo do mundo de high-code, tendo experiência em desenvolvimento de aplicações Java, tende a ganhar confiança e conhecimento quanto mais usa a plataforma. A plataforma foi desenvolvida usando essa linguagem, sendo possível escrever códigos de alta complexidade para ser executada com o Mendix.

Vantagens e Desvantagens desse modelo de desenvolvimento

Uma das primeiras questões quando se fala sobre esse método de desenvolvimento é qual a vantagem, em relação ao processo de desenvolvimento tradicional?

Segundo itforum, os principais fatores a favor da adoção crescente de low-code

  • Possibilitar que os usuários de negócios testem conceitos e apps sem a necessidade de que cada nova demanda de negócio entre na fila de solicitações de TI;
  • Manter os times de TI enxutos, concentrados em projetos de inovação mais complexos;
  • Ajudar a fechar o hiato de capacitação em TI. Com as inovações constantes em tecnologia, é difícil que times de desenvolvimento estejam sempre atualizados. As plataformas de desenvolvimento low-code, por meio de serviços baseados na nuvem, permitem que a complexidade fique abstraída dos desenvolvedores.

E as principais desvantagens são:

  • Aprisionamento tecnológico ao fornecedor da plataforma low-code;
  • Rejeição da plataforma pelos “desenvolvedores tradicionais” que não querem perder “poder”;
  • Custo com runtime (tempo de execução). Alguns fornecedores cobram taxas por runtime à medida em que o aplicativo vai ampliando a quantidade de usuários ou instalações. Isso inviabiliza a escalabilidade de aplicações.

 Como toda decisão, que são pautadas em suas análises de prós e contras, isso se aplica também quando se fala na escolha de um processo para desenvolvimento de software.

Referências

https://mendixbrasil.com/o-que-e-mendix/ – (Acessado dia 21/08/2021 as 12:35)

https://www.ivoryit.com.br/blog/low-code – (Acessado dia 22/08/2021 as 12:40)

https://itforum.com.br/negocios/low-code-as-vantagens-e-desvantagens-do-tal-codigo-baixo/ – Acessado dia 22/08/2021 as 12:45)

https://computerworld.com.br/plataformas/desenvolvimento-low-code-o-modelo-lego-para-construcao-de-software/ – (Acessado dia 27/08/2021 – 17:08)

Post a Comment

* indicates required